Home Itaquera & Região E o Polo Institucional Itaquera?

E o Polo Institucional Itaquera?

180
0
COMPARTIHAR
Perspectiva de como seria o Polo Institucional Itaquera
Perspectiva de como seria o Polo Institucional Itaquera

O Jornal Desenvolve Itaquera volta a falar de um dos projetos mais importantes para a região: o polo institucional.

Projeto antigo, ele seria construído nas áreas localizadas em frente à estação de metrô Itaquera.

Contaria com rodoviária, fórum regional da Justiça, estádio de futebol, conjunto de escolas técnicas, pavilhão de exposições, centro de convenções, hotel, laboratórios e uma incubadora que faria parte do Parque Tecnológico de São Paulo – Leste.

MAIS EQUIPAMENTOS

Unidades do Senai, Fatec e Etec, além de uma escola técnica voltada à produção de eventos, seriam responsáveis pela formação de mão de obra qualificada.

Já os laboratórios e a incubadora pertencentes ao parque tecnólogo, permitiriam aos profissionais terem a oportunidade de se tornarem empreendedores.

Com o Polo Institucional Itaquera, a Zona Leste se tornaria mais dinâmica, aumentaria a sua receita e saltaria à frente junto à formação profissional e cultural. A própria Prefeitura destacou as informações para a mídia em janeiro de 2012.

Completariam o projeto: espaços voltados à alimentação e serviços, um edifício comercial, postos da Polícia Militar e dos Bombeiros, uma sala para o Instituto Dom Bosco, além da interligação da área com o Parque Linear Rio Verde.

Maquete do projeto apresentado no ano de 2012 pela Prefeitura
Maquete do projeto apresentado no ano de 2012 pela Prefeitura

SÓ NO PAPEL

Passaram-se sete anos e este importante projeto ficou no papel e na conversa. Se tornaram realidade apenas o estádio – Arena Corinthians – e o prédio do governo do Estado que abriga as unidades da Fatec e da Etec.

Quanto aos demais equipamentos, o terminal rodoviário não faz mais parte do projeto, segundo informou a própria Prefeitura. No terreno anexo à estação Corinthians-Itaquera, seguirá apenas a construção da extensão do terminal urbano, que deverá ficar pronto nos próximos anos.

No espaço reservado para a instalação dos batalhões da Polícia Militar e dos Bombeiros, uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) foi construída no local. Já no espaço previsto para sediar a unidade do Senai, a polêmica continua quanto a sua ocupação. Em 2018 o terreno foi usado pela Fiesp para a realização de shows, mas agora está vazio.

Isso porque este é o novo local acordado entre Prefeitura, Estado e lideranças de Itaquera (por intermédio da Câmara de Dirigentes Lojistas de Itaquera e da OAB Itaquera), para a construção do Fórum de Itaquera.

Antes da Copa de 2014, a área destinada ao poder judiciário através do projeto do polo institucional foi requisitada pela Fifa para se transformar em uma área de “escape” dos torcedores. Trata-se do local ao lado do estádio onde há atualmente um calçadão com algumas árvores plantadas.

Só que, até agora, as Entidades locais aguardam pela definição da área. Para isso, o governador João Doria e o prefeito Bruno Covas precisariam formalizar o documento oficializando a sua transferência.

Detalhes do projeto apresentado pela Prefeitura no ano de 2012
Detalhes do projeto apresentado pela Prefeitura no ano de 2012

CENTRO DE CONVENÇÕES

Ainda na lista de promessas feitas à população, está a construção de um centro de convenções e um edifício comercial, que seriam atrativos para as empresas por estarem em frente a estações de metrô, trem e ônibus.

O plano do governo municipal também previa solucionar problemas sociais e demográficos, incluindo a realocação dos moradores da Comunidade da Paz, oferecendo moradias em conjuntos habitacionais, além da canalização do córrego Rio Verde, para a sua interligação com a ciclovia da Radial Leste e o Parque do Carmo.

MOBILIZAÇÃO

Em abril de 2018, encontro com representantes locais e a direção da Fatec Itaquera firmou laços para que o projeto do polo institucional possa virar uma realidade. Em uma das reuniões da CDL-Itaquera, a diretora Greice dos Santos chegou a destacar este desejo.

O QUE DIZ A PREFEITURA

 A reportagem entrou em contato com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho de São Paulo e perguntou sobre o projeto original, suas mudanças e quais ações estavam sendo realizadas para que o mesmo saísse do papel.

Como resposta, foi informado que a pasta está iniciando os estudos para a produção do Plano Municipal de Desenvolvimento Econômico, que irá verificar as vocações regionais, bem como as ações necessárias para dar maior competitividade a cada região. “O projeto de parques tecnológicos será um dos equipamentos a serem analisados como vetor de fomento ao desenvolvimento local.”

FRASES RELACIONADAS 

“Sempre se diz que o problema das grandes cidades do mundo é a distância entre os locais onde as pessoas moram e os locais onde trabalham. E esse ‘Polo’ será um grande promotor de postos de trabalho, empregos e oportunidades no coração da Zona Leste” – ex-governador Geraldo Alckmin, em agosto de 2012, se referindo ao Polo Tecnológico Itaquera.

Geraldo Alckmin, ex-governador de São Paulo
Geraldo Alckmin, ex-governador de São Paulo

“A Zona Leste, que fornece mão de obra para outras regiões da cidade, se tornará uma região com dinâmica econômica própria” – disse em 2014 o ex-prefeito Fernando Haddad.

Fernando Haddad, ex-prefeito de São Paulo
Fernando Haddad, ex-prefeito de São Paulo

 

 

DEIXAR UMA RESPOSTA